Cartão de crédito: 6 formas de pedir cartão de crédito com baixas taxas

Atualmente não ter um cartão de crédito é como não fazer parte da sociedade. Mas uma preocupação persiste na hora da decisão final de ter um ou não: as taxas. Para saber como, confira abaixo:

1.      Compare as suas opções

Há muito a se comparar considerando as opções de cartão de crédito que existem no mercado. Para fazer um bom filtro e escolher as melhores opções, é preciso levar em consideração as taxas cobradas (juros e anuidade), benefícios e limites.

2.      Negocie o valor final da sua anuidade

Qualquer um pode ir até o banco e negociar o valor da anuidade do cartão de crédito, mas alguns fatores podem estar a seu favor, como:

– O valor gasto mensalmente pelo cliente;

– Algum familiar ter conseguido isenção de taxa;

– Você ser um cliente antigo que paga a anuidade do cartão sempre em dia.

3.      Taxas extras

Muitos bancos abusam do uso dos asteriscos e você pode deixar passar a cobrança de taxas extras, como parcelamento de dividas, serviços e saque. E essa cobrança pode acontecer mesmo se o cartão de crédito não cobrar juros ou anuidade.

4.      Opinião pública

É muito importante também acompanhar a opinião de quem já é cliente. Assim, você saberá como é o atendimento caso tenha algum problema ou se existe algum serviço prometido e não prestado.

5.      Cartão nacional

Este tipo de cartão tende a possuir uma taxa menor do que os cartões de crédito internacionais, por apresentarem menos risco para instituições de fora.

6.      Cartão de crédito sem anuidade

Se você não faz questão de permanecer no seu banco ou não está disposto a travar uma batalha para conseguir isenção da anuidade, você pode pedir seu cartão de crédito para uma empresa que o desenvolveu sem o objetivo de cobrar anuidade.